Siga-nos nas redes sociais Facebook Twitter Instagram

Notícias » Ciência e Saúde

05/07/2013

Assembleianos precisam dos dons para serem pastores, afirma pesquisa

Sociológo evangélico analisou a dinâmica dos cultos e as relações de poder entre os membros da AD


Culto acompanhado pelo pesquisador alagoano

Mat?ria divulgada pela Assessoria de Comunica??o da Universidade Federal de Alagoas (Ascom-Ufal) mostra resultados de um trabalho cient?fico sobre pastores assembleianos em Alagoas. Trata-se de uma disserta??o de mestrado em Sociologia de James Washington, membro da Assembleia de Deus no Cleto Marques Luz, em Macei?. Abaixo segue texto na ?ntegra:

De um lado, os fi?is que buscam na igreja um encontro com Deus. Do outro, a figura do pastor utilizada como mediador desse encontro. A rela??o de confian?a e respeito a quem dirige um culto evang?lico muito tem a ver com a credibilidade transmitida por seu dirigente, com o dom dado a ele mesmo de ser instrumento da manifesta??o divina. As min?cias desses aspectos foram analisadas por James Washington, na disserta??o de mestrado em Sociologia da Universidade Federal de Alagoas.

Durante dois anos, James visitou dezenas de templos no intuito de estudar a voca??o pastoral nas Assembleias de Deus em Alagoas. De acordo com o pesquisador, alguns crit?rios foram observados, como a l?gica do recrutamento dos pastores, as influ?ncias culturais exercidas no comportamento deles e as rela?es hier?rquicas dentro da igreja.

Para entender essa tr?plice, James come?ou pesquisando sobre a tradi??o pentecostal, um movimento de renova??o, um avivamento, a manifesta??o dos dons do esp?rito. ?Os ?assembleianos? acreditam que cada pessoa ? capaz, aceitando a Cristo como seu salvador, de ter dons espirituais, mas as lideran?as ser?o chamadas pelos dons que se manifestam com mais evid?ncia, como, por exemplo, o de cura, o de profecia, o de falar em l?nguas e se fazer entender, al?m do desejo por compor o minist?rio?, explicou.

Nos mais de duzentos cultos que assistiu durante a pesquisa, realizada em Macei? e outras cidades do interior do Estado, James Washington observou como a cultura patriarcal influenciou para a forma??o de costumes mais r?gidos na Assembleia de Deus, considerada a mais rigorosa entre as igrejas evang?licas. ?O fato de a mulher usar saia, ter cabelo comprido, n?o se maquiar, nem ocupar cargos ministeriais dentro da Igreja, por exemplo, mostra a forte subservi?ncia que predomina na Assembleia de Deus no Nordeste. Em Alagoas isso ? bem definido, mas hoje em dia as coisas tendem a mudar, com a flexibilidade das regras?, comentou.

Prepara??o

A ideia de que os pastores s?o escolhidos por sua intelectualidade ?, de alguma forma, equivocada, com base no trabalho realizado por James Washington. Ele constatou que a Assembleia de Deus ? uma Igreja, que, a princ?pio, se revelou anti-intelectual, ou seja, o fundamental n?o era formar pastores s?bios, e sim, pastores que conhe?am e obede?am a B?blia, que sejam comprometidos com o regimento da Palavra de Deus.

Por outro lado, o que define a escolha dos l?deres est? relacionado diretamente com o trabalho exercido na Institui??o. Depois da convers?o individual, o primeiro passo ? a candidatura para a carreira sacerdotal, onde os homens passar?o a ser observados nas manifesta?es dos dons e na sua conduta como fi?is dentro e fora do templo. ?Os candidatos s?o entrevistados sobre a vida pessoal, al?m das interlocu?es com as suas fam?lias. O depoimento dos amigos, da esposa e dos filhos ? fundamental para a escolha do futuro pastor, porque ? preciso saber se ele segue os mesmos princ?pios na igreja e no conv?vio do lado de fora?, enfatizou James.

Todo esse per?odo de prepara??o foi analisado na pesquisa para entender as pr?ticas e as estrat?gias de como os candidatos agem durante a exposi??o dos dons e na colabora??o com os servi?os entre os cargos de auxiliares, di?conos, presb?teros, evangelistas e pastores j? formados. ?N?o vou dizer que n?o existe certo exagero ou, algumas vezes, at? uma teatraliza??o da manifesta??o dos dons com o intuito de chamar mais aten??o. Tamb?m n?o nego que pode haver influ?ncia ou parcialidade nas rela?es de poder entre os membros para escolher um novo pastor, mas, segundo o que constatei na pesquisa, a defini??o leva a uma poderosa demonstra??o de f?: ? uma revela??o divina com base em elementos espirituais, comportamentais e morais?, concluiu o pesquisador.



Da Reda??o/AD Alagoas
Com informa?es da Ascom Ufal

Rádio Online

Ouça

Cadastro

Cadastre-se e receba as últimas novidades do Portal AD Alagoas.

Correspondente

Interaja com o Portal AD Alagoas e envie sugestões de matérias, tire suas dúvidas, e faça parte do nosso conteúdo.

participe »
Lições Bíblicas
Estudos Bíblicos
Correspondente - Enviar Matéria

Igreja Evangélica Assembleia de Deus - Templo Sede
Av. Moreira e Silva, nº 406, Farol

 

Horário de Cultos

Aos Domingos 09:00h - Escola Dominical

Aos Domingos 18:30h - Culto Evangelístico

As Terças-feiras 18:30h - Culto de Doutrina

As Sextas-feiras 18:30 - Culto de Oracão

Facebook Twitter Siga-nos nas Redes Sociais