13 de outubro de 2019
Siga-nos nas redes sociais Facebook Twitter Instagram

AD Alagoas / Lições Bíblicas

05/10/2019

LIÇÃO Nº 1 – CONHECENDO OS DOIS LIVROS DE SAMUEL

Comentário da Lição Bíblica para o fim de semana com Pr. Jairo Teixeira Rodrigues


Texto: 1 Samuel 1.1-8

Introdução: Os livros de Samuel relatam o período de transição da teocracia para a monarquia, e o estabelecimento desta. A história começa nos dias finais dos juízes e nos deixa com o velho Davi firmemente entronizado como rei de Israel e de Judá. Samuel e Saul são os outros dois grandes personagens do livro.

Samuel foi o último dos juízes e o primeiro dos profetas. Homem de profunda piedade e discernimento espiritual, dedicava-se totalmente à realização dos propósitos de DEUS para o bem de Israel. Sucedeu a Eli no cargo sacerdotal. Ao que parece, foi o primeiro a estabelecer uma instituição para o preparo dos jovens que desejavam abraçar a vocação profética. Viu-se na contingência de guiar a Israel em algumas das mais profundas crises de sua história; no desempenho de suas funções quase alcança a estatura de Moisés. Embora não tivesse ambições pessoais, achou-se no papel de "fazedor de reis", comissionado para ungir a Saul, o primeiro rei, e a Davi, o maior dos reis de Israel. Nos livros de Samuel, aprendemos a servir, a adorar e a amar a Deus de todo o coração, apesar das circunstâncias adversas.

Neste trimestre estudaremos dois importantes livros do Antigo Testamento: 1 e 2 Samuel. Estes livros nos revelam a formação da nação de Israel e como DEUS usou homens para falar ao coração do povo.

1. O Propósito do Livro de Samuel.

-O Livro de 1 Samuel descreve o momento decisivo da história de Israel, em que as rédeas do governo passaram do juiz para o rei. O livro relata a tensão entre a expectativa do povo quanto a um rei (um soberano absoluto “como o têm todas as nações”, 8.5) e, os padrões teocráticos de DEUS, pelos quais Ele era o Rei do seu povo. O livro mostra claramente que a desobediência de Saul a DEUS e sua violação dos princípios teocráticos do seu cargo levaram DEUS a rejeitá-lo e a substituí-lo como rei.

-Visão Panorâmica

O conteúdo de 1 Samuel concentra-se em três grandes líderes nacionais: Samuel, Saul e Davi. (1) Samuel foi o último dos juízes, e o primeiro a exercer o ofício profético (embora não fosse o primeiro profeta, cf. Dt 34.10; Jz 4.4). Como homem de grande espiritualidade e dotado do dom profético, Samuel (a) sabiamente conduziu Israel a um avivamento no culto a DEUS (cap. 7), (b) lançou o alicerce que situou os profetas na sua devida posição em Israel (19.20; cf. At 3.24; 13.20; Hb 11.32) e (c) claramente estabeleceu a monarquia israelita como reino teocrático (15.1,12,28; 16.1). A importância de Samuel como líder espiritual do povo de DEUS num período de grandes mudanças na história de Israel ultrapassa a de todos os demais, exceto Moisés no seu papel no êxodo.

(2) Saul tornou-se o primeiro rei de Israel, pelo fato de o povo querer um rei humano “como o têm todas as nações” (8.5,20). Não demorou muito para ele revelar que não tinha aptidão espiritual para exercer aquele cargo teocrático; daí, DEUS, posteriormente, rejeitá-lo (13; 15).

(3) Davi, o segundo homem, escolhido por DEUS como seu representante como rei, foi ungido por Samuel (cap. 16). Davi não quis ocupar o trono pela força ou pela subversão, e deixou o caso nas mãos de DEUS. Os capítulos 19—30 descrevem prioritariamente as fugas de Davi, por causa de Saul enciumado e atormentado, e a paciência de Davi, que esperou até DEUS agir no seu devido tempo. O livro termina com o relato da morte trágica de Saul (cap. 31).

-1 e 2 Samuel narram a história de Israel, a partir de sua entrada em Canaã ( XII a. C.) até ao cativeiro na Babilônia (587-586 a.C.)

-Não se trata apenas de fatos de personagens da história, mas é a Palavra de Deus (2Tm 3.16)

-Os personagens principais do livro.

. Samuel, o profeta;

. Saul, o primeiro rei de Israel;

. Davi, o homem segundo o coração de Deus

-A partir desses homens, Deus começa a polir Israel com:

. Disciplina

. Justiça

. Misericórdia

Deus estava formando um povo especial (Tt 2.14)

. Participantes da santidade de Deus (Hb 12.10)

II - AUTORIA E DATA

1. Título e autor.

1.1. Samuel: ‘nome de Deus’

1.2. Samuel pode ser apontado como o autor dos capítulos 1 a 24 de 1 Samuel

1.3. Os demais capítulos são atribuídos aos profetas Natã e Gade. (1Cr 29.29)

2. A data dos livros.

2.1. Os estudiosos apresentam as datas entre 1.100 e 970 a.C. (aproximadamente 130 anos)

. Marca desde o nascimento de Samuel (1100a.C.) ao término do reinado de Davi

. Liderança de Samuel iniciou-se em 1070 a.C.

. O reino de Davi foi desde 1.010 a 970 a.C.

3. A situação espiritual.

3.1. Samuel cresceu em Siló

3.2. Em Siló eram praticados os pecados dos filhos de Eli (1Sm 7.3)

. O sacerdote Eli não aplicou a disciplina a seus filhos (1Sm 2.29)

. Isso gerou consequências espirituais irreparáveis ao povo de Israel (1Sm 2.22,23)

III – A TEOLOGIA NOS LIVROS DE SAMUEL

1. Profecias cumpridas: O DEUS dos milagres já inicia o livro de Samuel com a história do milagre chamado Samuel.

E sucedeu que, passado algum tempo, Ana concebeu, e deu à luz um filho, ao qual chamou Samuel; porque, dizia ela, o tenho pedido ao Senhor. 1 Samuel 1:20 Visitou, pois, o Senhor a Ana, que concebeu, e deu à luz três filhos e duas filhas; e o jovem Samuel crescia diante do Senhor. 1 Samuel 2:21

Para quem não podia ter filhos, DEUS concedeu 6 filhos (muito provavelmente o mesmo número de filhos que Maria, mãe de JESUS, teve - Mt 13:55,56).

1.1. Há ensinos robustos na estrutura textual dos livros de 1 e 2 Samuel

. Por exemplo, profecias cumpridas na história e mudanças que ocorreram na estrutura social da nação estão patentes em 1 Samuel 7 e 12, e 2 Samuel 17.

2. Em busca de um rei.

O GOVERNO DE DEUS É TEOCRÁTICO.

NUNCA FOI DO DESEJO DE DEUS UMA MONARQUIA, UM SOCIALISMO OU UMA DEMOCRACIA, OU QUALQUER OUTRO SISTEMA DE GOVERNO, SENÃO, O TEOCRÁTICO (GOVERNO DE DEUS).

SAMUEL É UM EXEMPLO A SER SEGUIDO DE HOMEM ÍNTEGRO QUE NUNCA ACEITOU SUBORNO, NUNCA SE CORROMPEU.

PRIMEIRO SEMPRE DEVE VIR O GOVERNO SACERDOTAL E DEPOIS O POLÍTICO.

O SISTEMA POLÍTICO DEVE DEPENDER DO GOVERNO SACERDOTAL.

DEUS SABIA DE ANTEMÃO QUE UM DIA SE DESVIARIAM E PEDIRIAM UM REI PARA IMITAR O MUNDO A SUA VOLTA.

2.1. Samuel era um líder preocupado com o crescimento espiritual da nação

. Samuel declara sua sinceridade, transparência e retidão no exercício sacerdotal (1 Sm 12.1-5).

. Samuel pediu ao povo que considerasse o que Deus havia feito (1Sm 12.24)

. Samuel pediu que o povo considerasse não fazer maldade (1Sm 12.25)

3. Os alicerces da dinastia davídica.

3.1. Em 2Sm 7 há o estabelecimento profético da dinastia de Davi

. Ela surge pela ordem do Senhor

3.2. Muito reis não obedeceram a Deus e tiveram fim trágico (2Rs 24.12; Jr 39.7)

3.3. Resultados da quebra de aliança:

. O templo foi destruído

. As muralhas da cidade foram destruídas

. Os israelitas foram humilhados em terras estranhas

IV – SAMUEL: O DIVISOR DE ÁGUAS

1. Um momento de crise espiritual.

1.1. Samuel aparece no cenário bíblico num momento de uma grande crise espiritual.

. ele desempenharia um papel na transição do período dos juízes para a monarquia

. ele orientou o povo para a construção de uma unidade nacional e espiritual

1.2. Samuel exercia as funções de:

. Profeta

. Sacerdote

1.3. Samuel foi o homem que Deus escolheu (comp. Lv 20.26)

2. O líder Samuel.

2.1. Samuel fechou o ciclo dos juízes

2.2. Sua contribuição à nação foi muito grande: (1 Sm 3.15-21; 2.18; 8.10-22)

. Estabeleceu os alicerces do ofício profético

. Preservou o sacerdócio

. Estruturou a base espiritual do sistema monárquico

2.3. Com Samuel, aprendemos que a chave para alcançar estabilidade e prosperidade no ministério é confiar em Deus e depender de seu favor.

CONCLUSÃO:>

O livro de I Samuel narra o ministério do Profeta Samuel, que “restaurou a lei e a ordem e a adoração religiosa regular na terra” (Bible Dictionary na Bíblia SUD em inglês, “Samuel”) depois que os israelitas se esqueceram do Senhor e adoraram ídolos em muitas ocasiões ao longo do reinado dos juízes. Um dos temas principais de I Samuel é a importância de honrarmos ao Senhor. Em I Samuel 2:30, lemos: “Aos que me honram honrarei, porém os que me desprezam serão desprezados” (ver também I Samuel 2:9). Em outras palavras, o Senhor abençoará aqueles que O honram e guardam Seus mandamentos, e aqueles que não o fazem não receberão Suas bênçãos. Vários relatos contidos em I Samuel ilustram esse tema. Ana honrou o Senhor e pediu um filho, e o Senhor abençoou Ana com um filho. Samuel, o filho de Ana, também foi abençoado por dar ouvidos ao Espírito e obedecer ao Senhor. Saul não continuou a honrar o Senhor, por isso o Senhor nomeou Davi para substituí-lo como rei. Quando jovem, Davi exerceu fé no Senhor, que o abençoou para que conseguisse matar Golias. À medida que os alunos estudarem o livro de I Samuel, eles podem aumentar sua fé sabendo que serão abençoados se honrarem o Senhor e obedecerem a Ele. As muitas histórias apresentadas nesses livros revelam os erros e os acertos de líderes humanos, mas, ao mesmo tempo, revela o quanto Deus trabalha pelo seu povo.



O conteúdo e as opiniões expressas são de inteira responsabilidade de seu autor.

Rádio Online

Ouça

Cadastro

Cadastre-se e receba as últimas novidades do Portal AD Alagoas.

Correspondente

Interaja com o Portal AD Alagoas e envie sugestões de matérias, tire suas dúvidas, e faça parte do nosso conteúdo.

participe »
Lições Bíblicas
Estudos Bíblicos
Correspondente - Enviar Matéria

Igreja Evangélica Assembleia de Deus - Templo Sede
Av. Moreira e Silva, nº 406, Farol

 

Horário de Cultos

Aos Domingos 09:00h - Escola Dominical

Aos Domingos 18:30h - Culto Evangelístico

As Terças-feiras 18:30h - Culto de Doutrina

As Sextas-feiras 18:30 - Culto de Oracão

Facebook Twitter Siga-nos nas Redes Sociais